21 maio 2015

contraponto

"Hoje e sempre aprendiz
não vou descansar
pensando no que não fiz
o que você me diz?
cuidado Jão
quem fala demais
volta e meia se contradiz
o que você me diz?
se render ao dialeto de imbecis
ou lutar pra ser feliz?

o tempo passa
e a certeza de uma vida sem graça
são quase 50 e o mundo é só pela vidraça
a cachaça é só complemento da desgraça
e na boca a velha mordaça
não deixa! faça!
pega seu sonho e abraça
respira fundo e vai a caça.

hoje penso como o cérebro
o mundo é quintal
o foco é essencial
pra não se perder no umbral em vida
se acaba com o titulo suicida."

Nenhum comentário:

Postar um comentário